Postado em 18 de Dezembro de 2019 às 13h25

Cão terapia!

Espaço Animal (14)

Golden Retriever transforma vida do pequeno Gabriel, diagnosticado com Transtorno do Espectro Autista (TEA)

A família Reis Pereira, de Chapecó, no Oeste de Santa Catarina, encontrou uma terapia especial para ajudar no tratamento do filho Gabriel, de seis anos, diagnosticado com Transtorno do Espectro Autista (TEA): eles adotaram a Amora como nova integrante da família. A cachorra da raça Golden Retriever se tornou melhor amiga de Gabriel e uma ajuda importante no desenvolvimento do garoto.

A raça é uma das mais comuns de cães guias e cão terapia por ser dócil, adaptável e alegre. Em seis meses com Gabriel, a cachorra já o ajudou a melhorar a interação, a compreensão e a convivência.

“Aos poucos, ele teve um grande avanço na parte sensorial, foi aprendendo a tocar nela, a abraçar, a conviver e a ter responsabilidades, como a de cuidar, aprender a alimentar, passear e interagir de forma prazerosa e divertida. A vinda da Amora facilitou muito o desenvolvimento da interação do Gabi. Ele também aprendeu a aceitar as regras dentro de casa com mais facilidade, a compreender os limites e a ter a atenção dividida. Ela é como uma irmã pra ele”, conta a mãe Simone ao destacar que a Amora também foi adestrada para canalizar energia e ter mais paciência para lidar com Gabriel.

“Ela tem mais cuidado com ele, o monitora e protege. Ele amadureceu como criança, como ser humano, enquanto aprende a respeitar e a conviver com animais e com as pessoas. É algo positivo e extremamente benéfico para qualquer criança”. 

Veja também

Extinção das abelhas é uma ameaça também a nós09/06/17Atuação das abelhas resulta em um terço da produção de alimentos e interfere em 35% das colheitas em todo o planeta. Reza a lenda que Albert Einstein disse certa vez que "se as abelhas morrerem, os humanos morrerão em seguida nos próximos anos". Certo ou errado, o fato é que a diminuição considerável da população das abelhas tem deixado cientistas do mundo todo muito preocupados. Em outubro de 2016, o instituto norte-americano US Fish and Wildlife Service (FWS)......
Respeito aos pets até na hora da despedida06/05O que fazer quando um animalzinho morre A relação entre os donos e seus animais de estimação envolve um dos sentimentos mais puros que existe: o amor incondicional. Assim como os seres humanos, os pets são capazes de retribuir afeto e carinho recebidos. Mas, como......
Banco de sangue para animais19/12/18Hemocentros veterinários ajudam a salvar vida dos pets. Fundado em 2005, pela médica veterinária Simone Gonçalves e pelo administrador Leandro Gomes, o Hemovet é hoje o maior banco de sangue e hemocentro veterinário do Brasil. À época e sua concepção,......

Voltar para NOTÍCIAS